quarta-feira, 21 de março de 2012

Agressão em fábrica do Tortosendo



A denúncia partiu do Sindicato dos Têxteis da Beira Baixa: no passado dia 19, “um dos patrões das Confecções Zendel agrediu física e verbalmente uma trabalhadora da empresa”.

A trabalhadora em causa teve que receber tratamento hospitalar, apresentou queixa junto das instâncias judiciais e segundo o sindicato encontra-se “profundamente abalada”.

Em comunicado, o sindicato vem condenar a atitude do patrão que vem no seguimento de outras que a mesma pessoa tem feito junto de outras trabalhadoras, criando um clima de intimidação e medo na empresa. Segundo o sindicato, o patrão das confecções Zendel trata as trabalhadoras de forma “humilhante e prepotente” impondo ritmos de trabalho “insuportáveis, obrigando-as a fazer trabalho suplementar sem pagar como manda a lei”.

Uma situação que é do conhecimento do Centro de Emprego da Covilhã e que já levou a direcção do sindicato a solicitar “em tempos” a intervenção da Autoridade para as Condições de Trabalho para obrigar a empresa a pagar como determina a lei e a colocar um ponto final à situação.

Segundo o sindicato “não vale tudo” para manter as empresas e os postos de trabalho, e garante que não se deixa intimidar com a conversa de encerramento da empresa.

Às trabalhadoras deixa um apelo para que “se unam e respondam com firmeza a este patrão fora da lei”.

Retirado de: RCB

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Clica nas Mensagens Antigas

Clica nas Mensagens Antigas

Número total de visualizações de página