sexta-feira, 26 de março de 2010

VESTICOM chegou ao fim



Os credores da empresa estiveram reunidos no tribunal da Covilhã e decidiram por maioria proceder à liquidação do património uma vez que nem o administrador da insolvência nem a gerência apresentaram qualquer proposta de viabilização.

É o fim da Vesticom mas para o presidente do sindicato têxtil da Beira Baixa, naquele unidade é ainda possível existir actividade industrial "na liquidação do património é possível e desejável que a venda seja feita na globalidade e de preferência para quem queira reactivar a empresa".

Luís Garra acusa o ministro da economia e a governadora civil do distrito de nada fazerem quando foram alertados atempadamente para o problema, mas segundo aquele dirigente sindical ainda estão a tempo de se redimir em 3 casos "na Mateus e Mendes, na Avri e na Vesticom" o ministro da economia está a tempo de se redimir se for dada preferência, aquando da liquidação à venda na globalidade e a quem queira retomar a actividade.

A direcção do sindicato promete ficar atenta para saber quem e em que condições será adquirido o património da empresa.

Retirado de: RCB
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Clica nas Mensagens Antigas

Clica nas Mensagens Antigas

Número total de visualizações de página